Região Central em pauta

De Doisac
Ir para navegação Ir para pesquisar

CapaRegiaoCentral.jpg

Região Central em Pauta

  • Data de Publicação: 28 de dezembro de 2007


Da beleza natural, uma história de desenvolvimento econômico

Conheça a história da 2ª capital farroupilha do estado e confira o que há de bom nessa terra

Segunda capital farroupilha do estado. Capital gaúcha do montanhismo. Maior produtor estadual de calcário agrícola. Essa é Caçapava do Sul. Nascida de um acampamento militar, localizado no antigo povoamento dos índios charruas, o município deu seus primeiros passos rumo à história em meados de 1777, quando nasceu a "Paragem de Cassapava".

Na língua Tupi Guarani, Caçapava significa "Clareira na Mata". Localizada na região centro do Estado e caracterizada pela diversidade no turismo ecológico, o presente nos aponta que a denominação dada no passado lhe caiu como uma luva.

A tradição que paira entre os moradores é o orgulho de serem rotulados como um povo dotado de bravura e honra. Conta a história que, no sangue dos caçapavanos, corre uma veia repleta de lutas, já que o município foi sede de batalhas que se sucederam no Rio Grande do Sul e que promoveram os ideais de liberdade e justiça dos gaúchos.

Caçapava cresceu como povoado e foi elevada à categoria de Vila em 25 de outubro de 1831, tornando-se cidade em 9 de dezembro de 1885.


Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado



Natureza, história, bravura e esporte contam a história dos caçapavanos.

Créditos: Arquivo Prefeitura Municipal

Uma terra de segredos, aventuras e cinema

Com 176 anos de administração político-administrativa, Caçapava do Sul é um dos principais pontos turísticos da região centro. De acordo com Kau Teixeira, Secretário de Turismo, Indústria e Comércio do município, o turista que visitar a segunda capital farroupilha do estado poderá aventurar-se no rappel e em escaladas, além de conhecer verdadeiras maravilhas ecológicas como cadeiras de pedras, quedas d’àgua, grutas, cavernas e labirintos.

Para ele, o encontro com a natureza é a melhor programação que a cidade reserva para o visitante disposto a conferir belezas singulares da fauna e da flora, que abrigam espécies em extinção, além de formações rochosas curiosas. Kau, como é conhecido pelos moradores, conta que o turismo cultural, histórico e farroupilha é a essência de Caçapava. “A Casa dos Mistérios, prédio que pertenceu a José Pinheiro de Ulhoa Cintra, ministro de diversas pastas da República Riograndense, a Casa de Borges de Medeiros e a Fonte do Conselheiro, reservatório construído para servir de água nas construções do Forte D. Forte II e da Igreja Matriz, são alguns de nossos destaques”, ressalta o secretário.

Além de ter sido cenário dos filmes Anahy de lãs Missiones, de Sérgio Silva, e Valsa para Bruno Stein, de Paulo Nascimento, ganhando grande visibilidade na área cultural, Caçapava do Sul investe esforços em grandes projetos. “A Pedra do Segredo foi destaque em pôster no município de Gramado e, atualmente um de nossos grandes projetos é o trabalho em sua nova infra-estrutura. Já em fase de conclusão, o projeto cuida da implantação de banheiros, redes de luz e água e estacionamento, entre outros benefícios que darão ao turista de outras cidades, estados e países, a possibilidade de contarem com um ponto que contemple as suas expectativas em visual, estrutura e lembrança, destaca Kau.

Pedra do segredo.jpg
As pedras gêmeas que fazem parte da relação de mistério e lendas que habitam o município receberam o nome de Pedra do Segredo. Conta a história que teria sido ela o local escolhido pelos guaraní para guardarem tesouros e relíquias antes de partirem para a Batalha de Coiboaté.
Créditos: Arquivo Prefeitura Municipal.

A Voz da Prefeitura

O Prefeito José Erli Pereira Vargas destaca como prioridades a agricultura, o turismo e a construção de um novo centro administrativo. “Oliveiras, fruticultura e florestamento são alguns de nossos focos, bem como o desenvolvimento de uma infra-estrutura turística que faça valer as nossas incríveis belezas naturais. Um outro ponto importante e a construção do novo centro administrativo, que renderá economia e visibilidade à administração”, destaca ele.

A Voz da Câmara

O Vereador Paulo Sérgio Dutra Pereira, Presidente da Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul destaca que a pretensão da Câmara para 2008 é dar continuidade ao seu trabalho atuante. O projeto de destaque é o auxílio ao Hospital Caridade Vitor Lang: “Por meio de um acordo com a Prefeitura e Ministério Público, a Câmara tem trabalhado em um projeto de redução de custos e destinado, mensalmente, a verba de R$5.000,00 ao Hospital. A nossa idéia é promover o espírito de integração e solidariedade para que a comunidade possa ser bem atendida na área da saúde”, ressalta o presidente.

Caçapava do Sul tem...

História, Cultura e Entretenimento

  • Casa dos Ministérios
  • Casa Borges de Medeiros
  • Igreja Matriz Nossa Senhora da Assunção
  • Centro Municipal de Cultura "Arnaldo Luiz Cassol"
  • Clube União Caçapavana
  • Fonte do Conselheiro

Turismo Ecológico

  • Gruta da Varzinha
  • Guaritas, Uma das 7 Maravilhas Do Estado
  • Minas do Camaquã
  • Pedra do Segredo
  • Cascata do Salso
  • Mina do Andrade
  • Toca das Carretas

Turismo de Aventura, Turismo Rural e muito mais

O aprendizado contínuo em prol do crescimento municipal

Conheça as perspectivas da administração de Santa Margarida do Sul

A 309 Km da capital gaúcha, Santa Margarida do Sul está localizada na região da Fronteira Oeste do estado. Descendentes de portugueses, italianos e alemães compõem a sua população. De acordo com a administração municipal, a origem do nome da cidade é uma homenagem à existência de uma estância que havia na localidade em 1800. Atualmente, o progresso é a palavra de ordem na pequena cidade em desenvolvimento constante. Conforme a Prefeita Cláudia Mara Goulart Brasil, a responsabilidade de gerenciar um município novo, de apenas sete anos de administração, está intimamente relacionada ao amor pela terra. “Santa Margarida é um município recente. Com apenas sete anos de administração, penso que para cuidá-lo, é preciso amá-lo. Minhas prioridades são a saúde, a educação e o transporte. Há muita coisa para se fazer, mas muito já foi feito”, enfatiza a Prefeita.

Sendo a primeira mulher no poder, Cláudia conta que a política em nada tinha haver com a sua escolha profissional. Encantada pela educação, a professora que já foi Secretária da Educação, atribui a sua recente paixão pela política ao primeiro prefeito da cidade. Vencendo preconceitos e conquistando a comunidade, o aprendizado foi a sua maior conquista e o convívio com o antigo prefeito fez dela uma mulher forte e decidida.

Os focos saúde, educação e transporte se devem, segundo ela, a uma continuidade do planejamento da administração anterior. “Fez-se necessário que continuássemos a valorizar aquilo que a comunidade prioriza e precisa”, destaca a jovem administradora.

Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado

Valorizar aquilo que a comunidade prioriza e precisa é o foco da administração municipal.

Créditos: Liana Merladete

Plácido de Castro é o herói de Santa Margarida do Sul

Fotoplacido1.jpg Fotoplacido.jpg

Interpretado pelo ator Alexandre Borges na minissérie global Amazônia, o ex-oficial do exército federalista Plácido de Castro é dado como o herói de Santa Margarida do Sul. Combatente veterano da Revolução de 1893-5 no Rio Grande do Sul, Plácido de Castro teve sua vida e fama ligadas à Revolução Acreana de 1902/3 contra a Bolívia. O fato conduziu primeiro a independência e depois a integração daquele território rico em seringais ao Brasil. O ímpeto vitorioso do caudilho Plácido logo foi sucedido pela habilidade do chanceler Barão do Rio Branco. A pólvora deu lugar à diplomacia que, por meio do Tratado de Petrópolis, negociou com La Paz a absorção definitiva do Acre.

Interiorização

A administração se preocupa com a interiorização no contexto da saúde e da educação. Transportando todos os alunos que residem em comunidades rurais até a escola e contando com uma unidade móvel que atendimento ao interior, a Prefeitura aponta os objetivos de ampliar os projetos na área do ensino e de transformar o posto de saúde em um hospital. Um outro ponto importante nesse sentido é a Patrulha Agrícola. O incentivo às organizações e às associações rurais é um dos pontos altos da administração e um acompanhamento técnico é realizado junto aos pequenos produtores. Em Santa Margarida do Sul a comunidade sempre tem voz. Reuniões freqüentes são realizadas e todas as necessidades e carências são ouvidas em prol da satisfação da população.

Santa Margarida em Números

Caracterização

Porte: Micro
Altitude da sede (m): -
Área (Km2): 956,148
Latitude: 30º 20' 24" S
Longitude: 54º 04' 48" O
Microrregião: Campanha Central
Mesorregião: Sudoeste Rio-Grandense
Região Geográfica: Sul

Indicadores Populacionais

Estimativa Populacional 2004: 2.236
Estimativa Populacional 2005: 2.249
Estimativa Populacional 2006: 2.263
Variação da População 2004- 2006 (%): 1,208
Densidade Demográfica 2006 (hab/Km²): 2,37

Contagem da População (2007)

Censo 2000: 2.172
Estimativa 2006: 2.263
Contagem de 31/08/2007: 2.152
Contagem de 05/10/2007: 2.172
Variação de 31/08 para 05/10: 0,9%
Variação da Estimativa 2006 para 05/10: -4,0%
Variação do Censo 2000 para 05/10: 0,0%

Indicadores Econômicos (2004)

PIB em (R$ 1000): 58.483
Posto PIB: 277º
Participação (%) PIB: 0,04
Crescimento PIB (%): -11,3
PIB Per capita (R$): 26.155
Posto Percapita: 30
Relativo Per Capita: 1,96
Cres. Per capita(%): -11,8
VAB (%) Agricultura: 79,41
VAB (%) Indústria: 1,06
VAB % Serviços: 19,53
Participação VAB no Estado (%) Agropecuária: 0,21
Participação VAB no Estado (%) Indústria: 0,00
Participação VAB no Estado (%) Serviços: 0,02

Fonte: [www.famurs.com.br]

Da educação, o crescimento

Entre os principais projetos realizados pela Secretaria da Educação, Cultura, Turismo e Desporto de Santa Margarida do Sul estão o Projeto Folclore, que consiste na pesquisa de hábitos e costumes de várias regiões do país, o Projeto Criança Feliz, que conta com a participação de todos os alunos das escolas municipais e, o JOESM (Jogos Estudantis Margaridenses), que tem o intuito de despertar nos alunos o gosto pela prática de esportes.

Conforme a Secretária da Educação, Márcia Dias, a maior participação dos professores e alunos na sala de aula tem desenvolvido a criatividade e o maior comprometimento dos professores com o processo de ensino aprendizagem. As principais perspectivas, de acordo com a Secretária, são as novas instalações da Escola Municipal de Ensino Fundamental Rodrigues Alves, a instalação de um laboratório de ciências e um novo espaço para a biblioteca, como parte do processo de desenvolvimento e incentivo à leitura e tecnologia da informação.

A Secretaria da Educação, Cultura, Turismo e Desporto também é responsável pelo segmento cultural e turístico do município. Garota Verão, Carnaval de Rua, Cantarte (concurso de interpretes) e I Flete da Canção Nativa são alguns exemplos.


Nova, mas em pleno progresso

Conheça o município de Vila Nova do Sul e confira as perspectivas da administração municipal

Da reestruturação do antigo povoado de São João Velho, veio seu nome: Vila Nova do Sul. A história do município conta fatos interessantes. Entre os anos de 1913 e 1914, o primeiro tenente Raimundo Sampaio tinha a missão de cuidar da medição da região centro-sul do Estado, mais propriamente das encostas da Serra do Mar, nas nascentes do Arroio Cambaí. Deparando-se com uma série de dificuldades, o tenente encontrou duas que prejudicariam o seu serviço: o prolongamento das coxilhas sucessivas e a visibilidade quase nula para o lançamento de visadas além de 18km. Contudo, seu esforço não foi em vão. Valendo-se da linguagem topográfica, o militar contribui para a história do município e, do alto de uma torre de ferro de 10m de altura, nos campos de Júlio Costa, divisa com a propriedade da viúva Firmina Costa, avistou um lugar já conhecido como Cerca das Pedras.

Mais tarde, um aglomerado de casas, na bifurcação das estradas de São Gabriel, São Sepé e Caçapava do Sul tomava forma. Nos seus primórdios, o aglomerado foi denominado de São João Velho e, em 1916, foi elevado à categoria de vila do município de São Sepé, já com novo nome: Vila Nova. Com a característica, conforme os antigos, de erguer-se majestosamente, como uma princesa que nasceu das planícies, aos poucos Vila Nova tornava-se a Vila Nova do Sul. Como uma figura expoente do município, a história destaca João Vicente Silveira. Homem de bem que emprestou significativa dedicação na evolução do primeiro núcleo habitacional de Vila Nova do Sul, Silveira se doou ao povo e à terra e promoveu o desenvolvimento da vila que, no futuro, tornar-se-ia mais uma cidade gaúcha.

Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado

Os antigos afirmam que Vila Nova nasceu majestosa, como uma princesa.
Créditos: Divulgação


Pensando no futuro

Vila Nova do Sul aposta na educação e garante conhecimento e infra-estrutura em prol de um futuro melhor

A administração municipal vem investindo esforços na educação e os resultados já são visíveis. O aumento nos índices de matrículas, a queda nas reprovações e evasões, bem como o desenvolvimento de espaços físicos favoráveis ao aprendizado comprovam o fato.


Conheça os principais projetos:

  • Classe de Aceleração: Tem por finalidade corrigir as distorções série/idade de alunos que foram reprovados duas ou mais vezes, e encontram-se em turmas dos anos iniciais.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
  • Projeto Dança e Educação: Oportunizar a crianças e jovens da Rede Municipal de Ensino a prática da Dança, utilizando a arte como uma forma de educar, valorizar, respeitar e desfrutar das pluralidades culturais e do corpo são os objetivos do projeto.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
  • Laboratório de Informática: Proporcionar aos alunos o acesso à tecnologia, por meio do ensino em informática e possibilidade de acesso a internet e suas ferramentas é o objetivo do laboratório.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
  • Sala de Recurso: Novidade da administração municipal que serve para o atendimento de todos alunos com necessidades educacionais especiais das escolas municipais.
  • Projeto “Ler é Mágico”: Projeto que visa sensibilizar e aprimorar a percepção sensorial, a imaginação e a criatividade.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
  • Formação Continuada: Cursos e encontros de aperfeiçoamento e valorização dos profissionais do magistério já são programação anual de Vila Nova do Sul. Valorização do educador, inclusão e diversidade e instrumentos de alfabetização são alguns dos temas trabalhados.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado

Confira as perspectivas para o Ano Novo

  • Seqüência na formação continuada dos professores, com cursos na área de projetos, pesquisa e interdisciplinaridade.
  • Construção de mais duas salas de aula na Escola Maria Pereira.
Erro ao criar miniatura: arquivo não encontrado
  • Ampliação dos projetos já existentes e criação de novos em conjunto com os professores.